sábado, 27 de fevereiro de 2016

A Moral Revelada II


Bíblia e Moral

Paulo da Costa Paiva, OFS


                Jesus cumpriu plenamente as promessas de Deus, que foi anunciada desde primórdio da humanidade e relembrada no decorrer histórico, mesmo de forma incompreensivo para uma boa parte dos judeus (que espera um rei triunfalista na libertação contra os romanos) a missão messiânica por seu descendente maior, Jesus veio redimir a humanidade de seus pecado  os convida a se converterem e segui-lo carregando cada um a sua própria cruz, e promete vida eterna para todos aqueles  que o aceitam como senhor de suas vida e pela nova e eterna aliança ao anunciar o reino de Deus é levado ao madeiro, mas ao ressuscitar, convida a todos anunciar até os confins da terra, seguindo-o como  modelo por excelência, suas palavras e principalmente seu testemunho de vida. Todos são convidados a dar continuidade à missão de Jesus Cristo, se tornando sal e luz para mundo, um novo cristo para a humanidade e para seu próximo. Deus por sua iniciativa se aproxima da humanidade e por misericórdia resgata pelo sangue do cordeiro (Filho Jesus) e a humanidade é convidada e fazer parte do projeto, anunciando e testemunhando o Cristo.
                A moral revelada por Cristo veio desbancar (cair por terra) toda hipocrisia de muitos dos fariseus, doutores da lei e escribas que por estarem em uma situação de conforto colocavam fardo pesadíssimo nos ombros da população, principalmente dos mais pobres deturpando totalmente as Escritura sagrada e interpretando segundo seus interesses. Existia muita pieguice e puritanismo imposta pelos costume dos dirigentes que se tornavam insustentável para boa parte da população que eram excluídos como impuros e onde também lucravam bastante como os diversos sacrifícios na qual as ofertas eram comprada em alto valor (até as simples rolinha) dos quais eram eles próprio só proprietários(Saduceus). Jesus Cristo sendo o messias era também profeta que anunciava e denunciava sua palavra era de autoridade que fazer muitos corações sofridos reanimar e muitos orgulhoso e prepotente se incomodarem ao ponto de persegui-lo e tramarem sua morte.
                Jesus quando veio anunciar a boa nova, não excluía ninguém, pois veio para todos, e quem acolheu verdadeiramente suas palavras de vida eterna foi os excluídos pela sociedade: Os coxos, cegos, prostitutas, publicanos, pobres sem instruções, viúvas, órfãos e ETC. Ele não descartava e nem explorava ninguém, mas anunciava um esperança que se tornava concreto pelas suas atitudes no resgate da dignidade daqueles que eram esquecidos por não terem nada para oferecer. Criticava severamente e desmascarava a iniqüidade dos seus dirigentes. A moral cristão nos ensina que o amor ao próximo e a fraternidade, são reflexo do amor do Pai que com o Filho e o Espírito Santo se manifesta desde o primórdio da humanidade nos quais   convidam a unidade consigo preservando sempre a dignidade todos sem exclusão de ninguém, por mais que muito optam de se excluir por conta própria motivado pelo o egoísmo e a ganância do poder, sendo a grande causadora das mazela da humanidade desde inicio da humanidade.
                Hoje cada cristão é convidado a dar continuidade ao que Cristo iniciou, é onde a moral cristã verdadeiramente se coloca em prática, pois se não viver essa práxis se esvazia totalmente os princípios ensinado pelo Mestre Jesus, se tornando tão hipócrita e medíocre quanto os dirigente de sua época. O cristão não deve se limitar aos preceitos e costumes da religiosidade e do formalismo direcionado pela Igreja deve transcender ir além das paredes do comodismo de seu egoísmo, com seus preconceitos e preguiças. Deve ir, através de seu próximo (onde Cristo se faz presente) ao encontro do Pai para plenamente por intermédio do Santo Espírito, o Reino de Deus se manifeste no meio de nós, no exercício da caridade em volta de uma harmonia fraterna como um só corpo e um só coração onde o Cristo (O noivo) é cabeça, o caminho que é verdade e vida, que nos direciona a eternidade da plenitude do amor(União Perfeita) em sua Jerusalém Celeste(a Noiva).

Paz e Bem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário