sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Senhorio de Jesus

Jesus, meu Senhor!
Paulo da costa


         Cristo ressuscitou ao terceiro dia de sua morte na cruz. O Pai ressuscita o seu filho (Jesus) dentre os mortos. E o exalta gloriosamente á sua direita, Ele enriquece com a força vivificante do seu Espírito, e o estabelece como cabeça seu corpo, que é a igreja. Constituindo Senhor do mundo e da História, estabelecendo-se como dono absoluto de todo o universo (Passado, presente e futuro). Cristo é o vencedor da morte e de toda maldição do pecado. Foi lhe dado todo poder no céu e na terra, diante de seu Nome todos os joelhos se dobram.

         Na versão grega dos livros do Antigo Testamento, o nome inefável com qual Deus se revelou a Moisés, Iahweh, é traduzido por “Kyrios” (Senhor). Tornando-se desde então o nome mais habitual para designar a própria divindade do Deus Israel. È neste sentido forte que o Novo Testamento utiliza o titulo de Senhor ao mesmo tempo para o Pai, mas também para Jesus, reconhecido como próprio Deus.

         Confessemos “que Jesus, verdadeiramente, ressuscitado e elevado aos Céus, é Senhor, consubstancial ao Pai.” Nele reside toda plenitude da divindade. Sentado a sua direita, merece o tributo de nossa adoração.” A ressurreição confere um alcance universal à mensagem de Cristo, a sua ação e a toda missão”. Ressuscitando dos mortos, Cristo nos comunica a sua vida. De sua plenitude todos recebemos a graça (Jô 1,16). Uma vez que pode salvar os que se aproximam de Deus e vive para sempre, para interceder a nosso favor.

         O domínio de Jesus sobre o Universo deve-se estender a todos, de forma especial sobre aqueles que crerem em seu nome, que proclama Jesus, como Senhor de sua vida, em toda sua dimensão, sem deixá-lo ausente de nenhuma área em sua vida. Ser cristão não é simplesmente dizer que acredita em Jesus e sim proclamá-lo no seu dia-a-dia, com atitudes, dando testemunho de vida: ¨Jesus é o meu Senhor!¨. O verdadeiro discípulo de Cristo (cristão). È aquele que busca viver de forma concreta o ensinamento de seu mestre e Senhor.

Paz e Bem!

Nenhum comentário:

Postar um comentário